Transparência COVID-19 - EDUCAÇÃO

 

 

PROGRAMA DE ATIVIDADES REMOTAS

  Conforme Decreto Municipal 1060/20 foi instituído o Programa de Atividades Remotas em nosso município. As atividades remotas (não presenciais) visam manter o vínculo criança-estudante/escola, buscando sim promover a aprendizagem e para isto, as escolas tem encaminhado atividades impressas com informações que tornem o conhecimento acessível para que as crianças/estudantes consigam realizá-las sozinhos ou com o apoio da família. Temos tido um retorno de quase 100% das famílias em relação as atividades, esse número é possível de ser levantado graças ao controle que cada instituição faz das novas atividades entregues, bem como das realizadas pelas crianças/estudantes, além dos relatórios produzidos pelo professor que apontam o desenvolvimento e participação durante o processo.  As escolas têm conseguido realizar a busca ativa dos estudantes, que por algum motivo não tem vindo retirar as atividades, por meio de contato telefônico, e até mesmo levando estas atividades até as famílias, sempre buscando evitar a evasão escolar procurando manter o vínculo com a aprendizagem. Na Educação Infantil, desde o início, para todas as turmas, os professores têm planejado atividades remotas e disponibilizado às famílias, de modo a garantir a relação criança-escola.  Além disso os grupos de WhatsApp das turmas têm auxiliado as famílias na resolução das atividades propostas, em que os professores ficam dentro de sua carga horária de trabalho regular a disposição para esclarecer dúvidas sobre as mesmas.

  A Secretaria Municipal de Educação e Cultura definiu junto às Equipes Escolares, Conselhos Escolares e Conselho Municipal de Educação que as atividades para os estudantes seriam encaminhadas de forma impressa já que parte das famílias não possuem meios para acessar a partir de plataformas ou outros aplicativos que necessitem de internet. De acordo com o Decreto Municipal 1.060/2020 de 28 de abril de 2020,  que instituiu o Programa de atividades remotas, havia uma previsão de entrega dessas atividades quinzenalmente, o que ocorreu nos mês de maio, após o crescente número de casos e devido a chegada do rigoroso inverno, e em consenso com os diretores das unidades escolares, conselho municipal e conselho escolar, essas atividades passaram a ser entregues mensalmente,   sendo que as famílias vem retirá-las na escola, com horários e dias pré-determinados para cada turma evitando qualquer tipo de aglomeração. Para comunicação entre as escolas e as famílias, são utilizados grupos de WhatsApp, ligações telefônicas, comunicados através do Facebook das escolas, e-mail e também bilhetes que vão impressos junto às atividades. Para as famílias que não conseguem ir até a escola, os professores têm levado as atividades até as residências, com o apoio de carro da Secretaria Municipal de Educação. As entregas das atividades remotas, têm sido feitas seguindo todas as orientações sanitárias para segurança dos profissionais da educação e das famílias.

AS ATIVIDADES SÃO ENTREGUES CONFORME CRONOGRAMA DE CADA ESCOLA OU CMEI. OS CRONOGRAMAS SÃO DIVULGADOS ATRAVÉS DE REDES SOCIAIS, COMO FACEBOOK DE CADA INSTITUIÇÃO E GRUPOS DE WHATSAPP.

 

KIT DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

  No dia 07 de abril de 2020 foi publicada a Lei 13.987 que autoriza os municípios a utilização de recursos do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar) para adquirir gêneros alimentícios para distribuição aos alunos neste período de isolamento social. Sendo assim, o FNDE se posicionou de forma favorável à utilização de recursos oriundos do PNAE, porém de forma universal, ou seja, a todos os alunos. O município de Bocaiúva possui aproximadamente 1650 alunos da educação básica educação infantil e anos iniciais. Neste cenário e para possibilitar a distribuição de um kit mais robusto e que pudesse atender as necessidades nutricionais das crianças/estudantes, foi realizada uma consulta pública aos pais onde os mesmos manifestaram o interesse em receber ou não o kit de alimentação escolar, e de acordo com a situação econômica que estão passando. Sendo assim, foram levantados após a consulta pública, 830 famílias de alunos com interesse pelo kit de alimentação. Baseando-se nesse número e verbas disponíveis de recurso do PNAE e Recurso livre, realizou-se um planejamento e elaboração de um kit com melhor concentração dos recursos financeiros possibilitando um kit com mais itens, inclusive fornecendo alimentos oriundos da agricultura familiar. O levantamento será realizado mensalmente, no qual os pais manifestam interesse ou não em receber o kit de alimentação, deixando em aberto a opção e para melhor controle mensal. Toda e qualquer alteração é comunicada ao Conselho de Alimentação Escolar (CAE) do Município, analisada e colocada em votação para aprovação.

OS KITS DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR SÃO ENTREGUES CONFORME O CRONOGRAMA DE ENTRAGA DAS ATIVIDADES REMOTAS.

 

PARA OBTER MAIS INFORMAÇÕES

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

Benjamin Constant Teixeira, nº 1079 – Centro

Telefone: (41) 3658-1055 2302

 

ESCOLA MUNICIPAL PEDRO ALBERTO COSTA

Rua Quintino Bocaiúva, 519 – Centro

Telefone: (41) 3658-1476

 

ESCOLA RURAL LINDARCI RIBEIRO BERTI

Rua João Batista Ribeiro, nº 47 – Cabeça D’Anta

Telefone: (41) 99764-2374

 

CMEI CANTINHO DO CÉU

Rua Pedro Mussoline Gasparin, nº 119 – Jardim da Torre

Telefone: (41) 3658-1940

 

CMEI CRIANÇA ESPERANÇA

Rua Ithalice Alves Polli, nº 215 – Jarim Santa Helena

Telefone: (41) 3658-1939

 

DEPAR – DEPARTAMENTO DAS ESCOLAS RURAIS

Benjamin Constant Teixeira, nº 947 – Centro

Telefone: (41) 3658-1077

 

 

  Desde a publicação do decreto municipal 1031/2020 de 20 de março de 2020 que suspende as atividades coletivas e decreto estadual 4230/2020 de 03 de março de 2020, que suspende as atividades escolares, a secretaria municipal de educação e cultura desenvolve ações de orientação e formação aos diretores e coordenadores pedagógicos das unidades escolares, os quais são os multiplicadores para os docentes e demais servidores em cada unidade de ensino. Segue alguns temas desenvolvidos ao longo deste período de pandemia:

  • Procedimentos de segurança a ser adotado nas unidades escolares no período de Pandemia – Participação da Secretaria de Saúde (4 horas de Palestra)
  • Formação e Orientação para o Programa de Educação Remota Instituído no município através do Decreto 1060/2020,  para o  período de Pandemia (4 Horas);
  • Reestruturação do Currículo Escolar para o período da Pandemia e Pós Pandemia (8 horas)
  • Jornada Pedagógica – Programa Aprende Brasil (20 horas)
  • Formação para Professores:
  • Consciência Fonológica – Auxiliando na alfabetização (4 Horas)
  • Adaptação Curricular ( 4 horas)
  • Autismo (4 horas)

Formação para Auxiliar Administrativo: Trabalho com LRCOM (Livro de Registro de Classe On line Municipal), preenchimento no período de pandemia, Sistema SERE- Ministrado de forma virtual pelo Núcleo Regional de Educação – área metropolitana Norte.

 

ALGUMAS AÇÕES DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

Algumas ações intersetoriais, bem como estratégias de articulação e cooperação entre os diversos poderes, conselhos e organizações da sociedade civil:

  • Disponibilidade do CAADIP – Centro de Atendimento e Avaliação Diagnostica Psicoeducacional, para atendimento on-line conforme a necessidade de cada família e funcionários, com atendimento psicoeducacional e psicológico;
  • Todas as ações tomadas pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura, estão de acordo com decretos municipais; e com aconselhamento da Secretaria Municipal de Saúde; prevendo todas as demandas de biossegurança e utilização de EPI’s para os funcionários e orientações para as famílias;
  • Percebendo a demanda de famílias em vulnerabilidade, são realizados encaminhamentos para atendimento pelo CRAS;
  • Fornecimento para as crianças/estudantes do Kit Alimentação Escolar, através das escolas/Cmei’s;
  • Parceria com o Projeto Mãos que Ajudam a Preservar Vidas, da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, distribuição de Máscaras de Segurança de tecido lavável, para as famílias mais carentes.
  • O Conselho Municipal de Educação, participa ativamente das decisões e colabora com as demandas.

 

 

VOLTAR A PÁGINA PRINCIPAL